BAIRROS

Qual seu Bairro? Estado: Cidade:

CONHEÇA O GOOGLE SUÍTE - GSUITE, UM NOVO MUNDO PARA SUA EMPRESA - CLIQUE AQUI!

Usa Deve Ter 1 Ordf Queda Na Venda De Carros Novos - - Cidade - Estado


Fonte: http://www.tribunadonorte.com.br/noticia/usa-deve-ter-1a-queda-na-venda-de-carros-novos/402256


Voltar

Câmbio Dólar R$ Euro R$ Natal-RN º º Maré 07:38 0.7m Rádio Globo Natal No Ar: (11:00) - Madrugada na Globo (Alexandre Ferreira) Menu Buscar Capa Esportes Natal Política Economia Cultura & Lazer Clube do assinante Cinema Cultura e Lazer C. Assinante Cinema Classificados Blogs e Colunas Blogs Colunas Blogs Colunas Mais + Informe Publicitário Mobilidade TN Álbuns TN Vídeos Copa 2014 Nacional e Internacional Promoções Motores do RN Enem Protestos Destaques: Violência // Eleições // Presidência // Governo // Salários // Sistema Prisional // USA deve ter 1ª queda na venda de carros novos Publicação: 2018-01-13 00:00:00 | Comentários: 0 A+ A- As montadoras de automóveis dos Estados Unidos declararam que  houve uma "queda" na comercialização de veículos em 2017. É a primeira redução na demanda desde a crise financeira que se abateu sobre aquele país, a GM e a Chrysler em 2008, e em todo o mundo em 2009.Concessionários Tesla reclamam da "baixa" na venda de carros zero quilômetro nos Estados UnidosA GM (General Motors), principal fabricante de automóveis dos Estados, vendeu pouco mais de 3.000.000 de carros novos no ano passado, representando uma redução de 1,3% no setor. A Ford, por seu turno, teve redução de 1,1%,  2.570.000 unidades.A FCA (Fiat Chrysler Automobiles) optou por não declarar seus números de 2017.A Toyota, segunda fabricante global de automóveis e terceira nos Estados Unidos, comercializou 2.430.000 carros novos (-0,6%).Interessante notar, que último mês do ano passado confirmou uma tendência observada em 2017, qual seja: demanda aquecida por carros grandes (pick-ups, utilitários e crossovers) e um esfriamento na de veículos urbanos e sedãs.A Ford é o exemplo mais representativo dessa tendência. As vendas do sedã "Fusion" caíram 21,2%, enquanto os modelos da família F-Series, que inclui a popular pick-up "F-150", tiveram seu melhor ano desde 2005, alta de 9,3%.Somadas todas as marcas, a comercialização chegou a 17.200.000 unidades, o que representa uma pequena diminuição de 2% quando cotejada com o ano de 2016.A Volkswagen comemora suas boas vendas, elas subiram 5,2% em 2017 atingindo o patamar de 339.676 unidades.Constata-se que as "vendas" de carros não parecem ter sofrido muito com a decisão de Donald Trump, presidente dos Estados Unidos, de negociar o Nafta (Tratado de Livre Comércio da Américas do Norte), com Canadá e México. A medida facilita aos fabricantes se instalar no México, onde a mão de obra é mais barata.Para este ano, a expectativa não é boa. Segundo especialistas, a comercialização de automóveis novos deve ser "afetada" pelo aumento das taxas de juros nos Estados Unidos.Um aumento de 0,25% nas "taxas" se traduz em um aumento entre US$ 8 e US$ 20 nas "cotas" de quem comprar o carro a crédito, no entendimento de Ivan Drury, da empresa de análise Edmunds.com.O aumento das "taxas", transferido às mensalidades do comprador, pode fazer este reavaliar a compra do automóvel zero km. Na melhor das hipóteses, o cliente vai abrir mão de acessórios, que são lucrativos para as concessionárias, como por exemplo, o sistema de som multimídia. continuar lendo leia também: Paíto Motors, um sonho! Venda de carros sobe 14,8% em agosto Mitsubishi Motors apresenta seu novo carro para provas de rali: L200 Triton Sport R Jipe Mercedes-Benz "Classe G" re-estilizado chega ao Brasil por mais de R$ 1.000.000,00 Renault comemora 1 milhão de Sandero produzido no Brasil Utilitário Esportivo Lexus NX ganha versão híbrida por R$ 229.670,00 Este é o Fiat Argo 2019 que ficou mais "barato". Por Marlos Ney Vidal Deixe seu comentário! Seu nome Seu email Seu comentário Enviar Comentário Comentários Blog Colunas Vino Divino Vino Vinho e Música – Fall For You por Leela James Marcos Lopes Estudo mostra que clubes brasileiros faturaram quase R$ 5 bi, mas gastos são problemas Agitos e Baladas Jonas Esticado e Dilsinho, fenômeno do pagode, juntos pela 1ª vez em Natal Heitor Gregório Styvenson emite nota + blogs Marcos Lopes Tá de brincadeira Abrindo a Porteira Natal participa pela primeira vez do "Dia Mundial da Limpeza" Rosalie Arruda O troco... Thiago Cavalcante Quinta de festa para… + colunas
... ++ Mais

TAGS:

Câmbio Dólar Euro Natal-RN Maré 07:38 0.7m Rádio Globo Natal (11:00) Madrugada Globo (Alexandre Ferreira) Menu Buscar Capa Esportes Natal Política Economia Cultura Lazer Clube assinante Cinema Cultura Lazer Assinante Cinema Classificados Blogs Colunas Blogs Colunas Blogs Colunas Mais Informe Publicitário Mobilidade Álbuns Vídeos Copa 2014 Nacional Internacional Promoções Motores Enem Protestos Destaques: Violência Eleições Presidência Governo Salários Sistema Prisional deve queda venda carros novos Publicação: 2018-01-13 00:00:00 Comentários: montadoras automóveis Estados Unidos declararam que  houve "queda" comercialização veículos 2017. primeira redução demanda desde crise financeira abateu sobre aquele país Chrysler 2008 todo mundo 2009.Concessionários Tesla reclamam "baixa" venda carros zero quilômetro Estados UnidosA (General Motors) principal fabricante automóveis Estados vendeu pouco mais 3.000.000 carros novos passado representando redução setor. Ford turno teve redução 11%  2.570.000 unidades.A (Fiat Chrysler Automobiles) optou não declarar seus números 2017.A Toyota segun