BAIRROS

Qual seu Bairro? Estado: Cidade:

CONHEÇA O GOOGLE SUÍTE - GSUITE, UM NOVO MUNDO PARA SUA EMPRESA - CLIQUE AQUI!

Lider De Grupo Terrorista Ansar Al Furqan E Morto No Sudeste Do Ira - - Cidade - Estado


Fonte: https://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/efe/2017/06/19/lider-de-grupo-terrorista-ansar-al-furqan-e-morto-no-sudeste-do-ira.htm


Voltar

Assine 0800 703 3000 / SAC Bate-papo Notícias Esporte Entrete Universa Famosos TV UOL BOL PagSeguro UOL Notícias Últimas Notícias Fotos Vídeos Infográficos Blogs e colunas Ciência e Saúde Economia Página principal Cotações Finanças Pessoais Empreendedorismo Empregos e Carreiras Imposto de Renda Líderes Inter Jornais Política Eleições 2018 UOL Confere Tecnologia Loterias + Canais Carros Educação Vestibular Previsão do Tempo Tabloide Líder de grupo terrorista Ansar Al-Furqan é morto no sudeste do Irã 19/06/201714h57 Teerã, 19 jun (EFE).- Soldados do grupo Guardiões da Revolução do Irã mataram o líder do grupo terrorista Ansar Al-Furqan em uma recente operação no sudeste do país, informou nesta segunda-feira este corpo de elite. O líder extremista, identificado como Yalil Qanbar Zehi, foi morto em uma zona montanhosa na região de Qasr-e Qand, na conflituosa província de Sistão-Baluchistão, segundo um comunicado do grupo iraniano. As forças de segurança mataram também outros quatro integrantes do Ansar Al-Furqan, um grupo sunita ativo em Sistão-Baluchistão e considerado terrorista pelas autoridades iranianos. Zehi era procurado há 25 anos por ter liderado vários atentados terroristas contra mesquitas, escritórios governamentais e postos policiais nessa região, de acordo com os meios oficiais iranianos. Sistão-Baluchistão, palco há dias de operações de segurança, é uma região fronteiriça com o Paquistão com uma população majoritariamente sunita, na qual operam grupos extremistas desse ramo do islã contrários ao Governo xiita de Teerã. As forças de segurança iranianas iniciaram desde os atentados do dia 7 em Teerã uma campanha contra grupos terroristas. O duplo atentado contra o Parlamento e o mausoléu do Aiatolá Khomeini, que deixou 18 mortos e 50 feridos, foi o primeiro reivindicado pelo grupo jihadista Estado Islâmico (EI) em território iraniano. Em represália por estes ataques, os Guardiães da Revolução dispararam ontem seis mísseis balísticos do tipo terra-terra contra bases do EI. Receba notícias do UOL. É grátis! Facebook Messenger As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger Começar agora Newsletter UOL Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto! Comunicar erro Imprimir Aliado histórico Presidente do PCdoB diz que Lula não é candidato 49 Com questionário PCC avalia comida, atendimento jurídico e de saúde em presídios 93 Ambiente Blecautes e calor forçam moradores de Gaza a frequentar praias poluídas 17 Berço dos dinossauros Dos Pampas ao Amazonas, 27 espécies viveram no Brasil Informe publicitário Descubra outros jeitos de se locomover Há muitas maneiras de explorar a cidade; Veja dicas Informe publicitário Clareamento dental Conheça os procedimentos para ter dentes mais brancos e saiba qual cabe no seu bolso! Você Manda Envie fotos, vídeos e relatos para o WhatsApp do UOL Notícias Você viu? MP aponta até rua vendida em cidade com prefeito e vereadores presos Deputado baiano condiciona cirurgia a mudança de título de eleitor Ex-sargento gay relata ter sofrido pressão para deixar Exército Ex-capital do EI tenta se recuperar das cicatrizes de terroristas Especiais Por que cientistas dizem que a astrologia não funciona? Brasileira recupera visão de idosos com células-tronco Mistério de colunas incas no deserto é desvendado Veneno ou salvação da lavoura? Entenda o agrotóxico Polícia não tem drone contra quem usa celular ao volante Mais lidas do dia Deputado estadual morre em acidente aéreo no Paraná Aliado histórico, PCdoB diz que Lula não é candidato Lançado candidato, Bolsonaro elogia mulheres, chora e diz ser patinho feio Discurso de Janaina Paschoal surpreende e irrita aliados de Bolsonaro Mega-sena acumula e vai a R$ 72 mi; veja resultado do concurso 2061 Comunicar erro Erratas Fale com o UOL Notícias UOL Cursos Online Todos os cursos Enfermagem Seja Referência no Mercado. Saiba Mais! Enfermagem Auditoria em Serviços de Saúde Saiba Mais! Enfermagem Home Care: Cuidados Especiais Saiba Mais! Inglêspanhol! Faça o curso de inglês. Clique Aqui! Inglêspanhol! Com o melhor conteúdo Clique Aqui! Inglêspanhol! E ganhe o curso de espanhol Clique Aqui! Inglêspanhol! Faça o curso de inglês. Clique Aqui! Inglêspanhol! Com o melhor conteúdo Clique Aqui! Inglêspanhol! E ganhe o curso de espanhol Clique Aqui! Inglêspanhol! Faça o curso de inglês. Clique Aqui! Inglêspanhol! Com o melhor conteúdo Clique Aqui! Inglêspanhol! E ganhe o curso de espanhol Clique Aqui! Inglêspanhol! Faça o curso de inglês. Clique Aqui! Inglêspanhol! Com o melhor conteúdo Clique Aqui! Inglêspanhol! E ganhe o curso de espanhol Clique Aqui! Inglêspanhol! Faça o curso de inglês. Clique Aqui! Inglêspanhol! Com o melhor conteúdo Clique Aqui! Inglêspanhol! E ganhe o curso de espanhol Clique Aqui! Inglêspanhol! Faça o curso de ingl
... ++ Mais

TAGS:

Assine 0800 3000 Bate-papo Notícias Esporte Entrete Universa Famosos PagSeguro Notícias Últimas Notícias Fotos Vídeos Infográficos Blogs colunas Ciência Saúde Economia Página principal Cotações Finanças Pessoais Empreendedorismo Empregos Carreiras Imposto Renda Líderes Inter Jornais Política Eleições 2018 Confere Tecnologia Loterias Canais Carros Educação Vestibular Previsão Tempo Tabloide Líder grupo terrorista Ansar Al-Furqan morto sudeste Irã 19/06/201714h57 Teerã (EFE).- Soldados grupo Guardiões Revolução Irã mataram líder grupo terrorista Ansar Al-Furqan recente operação sudeste país informou nesta segunda-feira este corpo elite. líder extremista identificado como Yalil Qanbar Zehi morto zona montanhosa região Qasr-e Qand conflituosa província Sistão-Baluchistão segundo comunicado grupo iraniano. forças segurança mataram também outros quatro integrantes Ansar Al-Furqan grupo sunita ativo Sistão-Baluchistão considerado terrorista pelas autoridades iranianos. Zehi procurado anos liderado vários atentados terroristas contra mesquitas escritórios governamentais postos policiais nessa região acordo meios oficiais iranianos. Sistão-Baluchistão palco dias operações segurança região fronteiriça Paquistão população majoritariamente sunita qual operam grupos extremistas desse ramo islã contrários Governo xiita Teerã. forças segurança iranianas iniciaram desde atentados Teerã campanha contra grupos terroristas. duplo atentado contra Parlamento mausoléu Aiatolá Khomeini deixo