BAIRROS

Qual seu Bairro? Estado: Cidade:

CONHEÇA O GOOGLE SUÍTE - GSUITE, UM NOVO MUNDO PARA SUA EMPRESA - CLIQUE AQUI!

Fundos Regionais De Financiamento Voltam A Incluir Projetos Do Setor Energetico - - Cidade - Estado


Fonte: http://www.jb.com.br/economia/noticias/2017/06/16/fundos-regionais-de-financiamento-voltam-a-incluir-projetos-do-setor-energetico/


Voltar

RSSTwitterFacebookJornal do BrasilSegunda-feira, 23 de Outubro de 2017Capa Notícias País Opinião Sociedade Aberta RioEconomia Balcão de Emprego » Informe CNC Negócios e Marketing InternacionalEsportesCiência e TecnologiaCulturaColunistas Coisas da Política Comunidade em pauta Heloisa Tolipan Informe JB Jazz Juventude de Fé Leonardo Boff Marcus Ianoni Sol Maior - Maria Luiza Nobre Fotos e VídeosJBlogsEconomia16/06 às 17h23 - Atualizada em 16/06 às 17h24Fundos regionais de financiamento voltam a incluir projetos do setor energéticoTamanho do Texto:+A-AImprimirPublicidadeOs fundos constitucionais e de Desenvolvimento do Norte, Nordeste e Centro-Oeste, administrados pelo Ministério da Integração Nacional, estão retomando os investimentos em projetos de geração, transmissão e distribuição de energia.O aporte de recursos para esta finalidade estava bloqueado desde 2012. A medida deverá estimular novos empreendimentos no setor, que, em maio, registrou crescimento de 0,7% no consumo e geração de energia no país, segundo dados da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE).O ministério pretende ampliar as contratações para o setor energético, com taxas e prazos mais atrativos em relação ao mercado. De acordo com a pasta, a expectativa se comprova no Nordeste, onde, desde setembro do ano passado, tornou-se possível financiar com recursos do Fundo de Desenvolvimento da região (FDNE) projetos de geração de energia por fontes renováveis.JurosOs encargos e bonificações definidos pelo governo federal para os fundos regionais são estímulos a mais para investimentos em setores diversos. Os fundos constitucionais do Norte (FNO), Nordeste (FNE) e Centro-Oeste (FCO) dispõem de taxas diferenciadas conforme o segmento e local onde será aplicado o recurso, além de bônus adicional por adimplência nos pagamentos das parcelas. Os juros aprovados para o Norte e Nordeste variam de 8,55% ao ano (7,27% com bônus) a 15,23% (12,94% com bônus), dependendo do porte do empreendimento e da finalidade do crédito. Já a região Centro-Oeste está operando com juros que variam de 9,5% ao ano (8,08% com bônus) a 16,9% ao ano (14,37% com bônus).Para os Fundos de Desenvolvimento - FDNE, FDCO (Centro-Oeste) e FDA (Amazônia) -, as taxas definidas variam de acordo com a prioridade do setor para estimular o desenvolvimento de cada região. Os juros para empréstimos no Nordeste e na Amazônia vão de 7,35% ao ano a 8,6%. Para o Centro-Oeste, os encargos são de 8% a 9,5%.Operações de investimentos também têm condições facilitadas. De 12 consultas aprovadas nesse período, 11 empreendimentos são direcionados a essas atividades e já estão aptos a buscar crédito em instituições financeiras federais.Como resultado as solicitações de crédito cresceram 354,6% no primeiro trimestre deste ano. Do total de 12 consultas aprovadas nesse período, 11 empreendimentos são direcionados a estas atividades e já estão aptos a buscar crédito junto a instituições financeiras federais.Tags: eletrico, financiamento, fundos, integração, regionais, setorCompartilhe:TweetPublicidadePublicidade+ Lidas em Economia1.Ibovespa tem leve queda em dia de agenda econômica fraca; dólar avança2.Petrobras anuncia fase não vinculante de venda de 90% da sua participação na TAG3.Mercado prevê inflação de 3,06% e nova queda da Selic esta semana4.Cerca 100 mil empresas serão impedidas de transmitir declaração do Simples5.Dívida pública sobe para R$ 3,4 trilhões em setembro, informa Tesouro6.Petróleo registra alta na abertura da semana, com Iraque e EUA em foco7.Com frete rodoviário abaixo do custo, CNI defende fiscalização para evitar crise8.Câmara aprova garantia de um ano para download de programas de computador e jogos eletrônicos9.Finanças aprova responsabilização de terceiros contratados para fiscalizar obras10.Comissão da Lei Kandir promove audiência pública no Rio de JaneiroPublicidade+ JBlogsÀ Sua SaúdeVamos nos atualizar sobre o tétano?Blog do ReinaldoLeonardo, o multigênioConexão FrancesaOs 10 vinhos preferidos de 7 grandes sommeliersLeia cinemaFestival do Rio 2017 – Zama de Lucrecia Martel Cabo Frio JB NewsClientes reclamam de
... ++ Mais

TAGS:

RSSTwitterFacebookJornal BrasilSegunda-feira Outubro 2017Capa Notícias País Opinião Sociedade Aberta RioEconomia Balcão Emprego Informe Negócios Marketing InternacionalEsportesCiência TecnologiaCulturaColunistas Coisas Política Comunidade pauta Heloisa Tolipan Informe Jazz Juventude Leonardo Boff Marcus Ianoni